dor costas

Dor de costas – um sintoma muito comum

Sofre de dor de costas? Definitivamente não está sozinho. Estima-se que grande percentagem da população tenha dor de costas em alguma altura da sua vida. No entanto, não tem de ser tão debilitante quanto possa temer.

A dor de costas é um sintoma muito comum na sociedade moderna. No mundo ocidental, o nosso estilo de vida largamente sedentário, com muito tempo sentados, pode levar a problemas na postura e mais tarde dor de costas. A mesma pode ter várias origens, desde problemas de coluna congénitos a lesões decorrentes de técnicas de levantamento de pesos incorretas ou trabalho excessivo. Estima-se que uma percentagem surpreendente de 80% da população experiencie dor em qualquer região das costas (superior, média, ou região lombar) em determinada altura da sua vida, podendo ser considerado um problema comum.

Não deixe que as suas costas o deitem abaixo

Os músculos e ligamentos das suas costas estão envolvidos em quase todos os movimentos que realiza, desde virar-se na cama a alcançar o comando da televisão. Sofrer de dor de costas pode torná-lo muito mais consciente deste facto, dado que de repente até o movimento mais ligeiro se pode transformar numa sinfonia de agonia. A maior parte das dores de costas é causada por rigidez muscular e pode curar-se sozinha sem a necessidade de tratamento médico. Deve, no entanto, consultar o seu médico se a dor for grave, se piorar ou não melhorar ao fim de três dias. Apesar de ser tentador evitar os movimentos que causam a dor, é recomendado que as pessoas que sofrem de dor de costas evitem tempos de imobilidade prolongados, pois podem levar a que a dor piore ao longo do tempo. Assim, deverá levar a cabo as suas atividades habituais do dia-a-dia sem agravar a dor e até praticar exercícios ligeiros como natação e ioga, sempre que possível. O exercício físico pode aligeirar a dor e aumenta a irrigação sanguínea às zonas corporais que mais precisam. Não pratique atividades que possam agravar a dor.

Uma apoio na sua recuperação

Apesar da recomendação de manter a atividade normal e praticar exercício físico ligeiro, este pode ser um caso em que é “mais fácil falar do que fazer”. A dor de costas pode debilitar e afetar os seus movimentos. Anti-inflamatórios e analgésicos como Brufen* são uma forma eficaz de o ajudar no controlo da dor enquanto melhora.
Brufen* está disponível em várias formulações e dosagens. Consulte o seu médico ou farmacêutico caso tenha dúvidas quanto à dose correta. Leia cuidadosamente as instruções no folheto informativo antes de tomar qualquer medicamento.

Brufen* pode ser utilizado para o alívio sintomático de curta duração de:
- Dor ligeira a moderada, tal como dor de cabeça, incluindo enxaqueca, nevralgia, dor de dentes, dores musculares e articulares, dor de costas, dores menstruais e dor associada a constipações
- Febre

*Brufen Sem Açúcar 20 mg/ml, Brufen 200 mg e 400 mg

Revisão pelo departamento médico da Mylan

Data: 2019-11-29

Ciática

Os sintomas de ciática incluem dor aguda ou formigueiro ao longo das pernas ou nas nádegas. Muitas pessoas consideram que a dor ciática piora quando estão sentadas e há uma boa razão para isso.

Saiba mais

Dor no pescoço e nos ombros

Dor no pescoço e nos ombros é um problema comum e pode resultar de uma postura incorreta, stress ou levantamento de peso excessivo. Brufen* está indicado no alívio da dor ligeira a moderada,

Saiba mais