dor enxaqueca sintomas mulher

Sintomas de enxaqueca

Muitas pessoas utilizam os termos dor de cabeça e enxaqueca como se fossem a mesma coisa, mas de facto sabemos que uma enxaqueca é mais do que uma dor de cabeça forte. Descubra as diferenças e a melhor forma de lidar com a situação se tiver uma enxaqueca.

Como a dor de cabeça é uma das principais características de uma enxaqueca, este é sem dúvida um fator que desencadeia a confusão entre os dois termos. Contudo, enquanto uma simples dor de cabeça pode ser ligeira e possível de ignorar, uma enxaqueca é debilitante e habitualmente requer que a pessoa afetada se deite num quarto escuro durante horas. Os sintomas de enxaqueca variam de pessoa para pessoa e de acordo com o tipo de enxaqueca, mas a dor de cabeça pode com frequência ser acompanhada por náuseas, vómitos, sensibilidade à luz e odores e distúrbios na visão. Algumas pessoas veem linhas ou luzes cintilantes no seu campo de visão, conhecidos como aura. Sem tratamento, uma enxaqueca pode durar entre 4 e 72 horas.

Causas e sinais de alerta

Não precisamos de referir que uma enxaqueca pode ser uma condição incapacitante, tornando quem dela sofre incapaz de realizar as atividades normais do dia-a-dia. Não há uma causa claramente identificada até agora. A predisposição genética ou hereditariedade, é bastante forte. Cerca de 7 em 10 pessoas diagnosticadas com enxaqueca têm um parente chegado com o mesmo problema. Se ambos os pais tiverem enxaqueca, há um risco de aproximadamente 70% de o filho vir também a ter enxaqueca. O risco hereditário é reduzido para 45% se apenas um dos pais tiver enxaqueca. A vulnerabilidade de uma pessoa em relação a um novo episódio de enxaqueca varia ao longo do tempo. Há muitos fatores que influenciam esta vulnerabilidade. Alguns deles são: stress de longo prazo, variação de níveis hormonais, cansaço, consumo de certos alimentos, alterações climatéricas, entre outros. Quando estes fatores são suficientemente fortes juntos, provocam um episódio de enxaqueca. Frequentemente existem vários sinais de alerta, estádios que podem alertar para um episódio próximo. Ter estes sinais em atenção pode ajudar a aliviar a enxaqueca, tomando medidas recomendadas pelo seu médico.

Como tratar e prevenir um episódio de enxaqueca

Siga sempre as instruções específicas dadas pelo seu médico sobre como lidar com um episódio de enxaqueca e as medidas para o prevenir.

Melhorar o seu bem-estar geral dormindo, tendo uma alimentação mais saudável e praticando exercício físico regularmente, pode ajudar a evitar ou reduzir os episódios de enxaqueca a longo prazo.

Brufen* é um medicamento anti-inflamatório com acção analgésica indicado no alívio da dor ligeira a moderada, como, p. ex., a enxaqueca. sendo por isso uma alternativa para o alívio da enxaqueca. Consulte o seu médico, que lhe poderá recomendar uma dose eficaz e quando deve tomar Brufen* para obter o melhor efeito.

Brufen* está indicado para o alívio sintomático de curta duração de:
- Dor ligeira a moderada, tal como dor de cabeça, incluindo enxaqueca, nevralgia, dor de dentes, dores musculares e articulares, dor de costas, dores menstruais e dor associada a constipações
- Febre

*Brufen Sem Açúcar 20 mg/ml, Brufen 200 mg e 400 mg

Revisão pelo departamento médico da Mylan

Data: 2019-11-29

Dor de cabeça

A dor de cabeça em geral é bastante comum, mas há diferentes tipos de dor de cabeça que o podem afetar de maneira diferente. Podem atingi-lo nas alturas mais inconvenientes e impedi-lo de realizar as suas atividades diárias.

Saiba mais